Em setembro passei uma semana a viajar pela Croácia de carro. Já tinha consciência que este país me iria surpreender, só não sabia que seria desta forma tão intensa.

Com inicio em Dubrovnik e fim uma semana depois na capital, Zagreb, esta viagem brindou-me com algumas das paisagens e cenários mais incríveis da minha vida. Não é de todo surpreendente que a Croácia esteja na boca do mundo: um património cultural e arquitetónico vastissimo, praias de água incrivelmente cristalina e paisagens naturais de tirar o fôlego.

Abaixo encontras a minha sugestão de roteiro para uma roadtrip de 1 semana pela Croácia, com base na minha própria viagem. Deixo-te também alguma dicas úteis que te poderão ajudar a planear a tua viagem.


Dicas úteis Roadtrip Croácia

Voos para a Croácia

Não existem voos diretos de Portugal para a Croácia o que significa que terás sempre de fazer escala algures. Eu voei com a Lufthansa fazendo escala em Frankfurt na ida e em Munique na volta. Faz uma pesquisa através do Skyscanner para encontrares as melhores opções de voos para ti.

Voos para a Croácia

Aluguer de Carro na Croácia

Aluguei o carro através do site rentalcars.com. Este site permite-te fazer uma comparação de valores e veículos entre uma larga seleção de empresas de aluguer disponíveis. Disponibiliza ainda pontuação e reviews das várias companhias para que possas fazer sempre a melhor escolha. Não te esqueças de levar um cartão de crédito onde te será feita uma pré-autorização de caução (obrigatório). O valor da caução dependerá da companhia em questão.

Comparando com os portugueses, os croatas são uns santos na estrada: muito tranquilos e civilizados. As estradas estão muito bem mantidas e a sinalização é boa. Fiz uma condução muito tranquila durante a viagem toda. O estacionamento é pago em praticamente todo o lado, com um valor entre 5 a 7 kunas por hora. Vê os preços atualizados do combustível aqui: Global Petrol Prices

Alugar Carro

 

Alojamento na Croácia

Optei por reservar o alojamento todo previamente através do Booking.com, tendo em conta a duração reduzida da viagem. Escolhi quase sempre apartamentos que me permitiram cozinhar em casa e assim poupar algum dinheiro.

Reservar Alojamento

 

Moeda na Croácia

A moeda oficial da Croácia é o Kuna Croata. Sugiro que leves euros daqui e troques lá num banco para conseguires as melhores taxas de câmbio possíveis.

Taxa de Câmbio

Roteiro Roadtrip Croácia

Destino 1 | Dubrovnik

Dubrovnik, a cidade que a popular série Game of Thrones pôs na boca do mundo é de facto inacreditavelmente bonita. Fui em setembro, já um bocadinho fora da época alta, mas mesmo assim apanhei imensos turistas na cidade. Este foi mesmo o único senão, porque a cidade vale mesmo a pena uma visita. Um passeio pelas muralhas da cidade e um passeio de barco até à ilha de Lokrum são obrigatórios!

  • Estadia: 2 noites
  • Alojamento: Apartamento L&B. Este foi um dos melhores apartamentos em que fiquei na Croácia. Tem 2 quartos (um com cama de casal e outro com 2 camas individuais), está muito, mas mesmo muito bem equipado e o anfitrião (o Sr. Boris) é muito simpático e prestável. Está localizado numa zona muito calma de Dubrovnik, a uma distância de cerca de 15 minutos a pé até à Old City onde se encontram a maior parte das atrações. Para outras alternativas de alojamento em Dubrovnik clica aqui: Alojamento em Dubrovnik

Destino 2 | Split

De Dubrovnik parti rumo a Split. Optei por seguir pela estrada junto à costa para aproveitar melhor a paisagem. A alternativa seria a autoestrada que, apesar de mais rápida, implicaria o pagamento de portagem e cortaria bastante o prazer da descoberta. Pelo caminho terás de passar por um pedaço de território Bósnio o que implica teres de mostrar o passaporte na fronteira à saída e à entrada da Croácia (Lembra-te também de desligar o roaming aqui, senão vais pagar um balúrdio em dados móveis). Pelo caminho parei ainda em Ston, onde se encontra a segunda maior muralha medieval do mundo (a primeira é a Grande Muralha da China).

O único senão de fazeres esta viagem de sul para norte é que não tens onde parar na beira da estrada do lado direito para usufruíres mais da paisagem que se apresenta do teu lado esquerdo. Pelo caminho encontras um sem número de praias maravilhosamente deliciosas que te darão uma vontade incrível de ires parando e dar um mergulho em cada uma!

Em Split descobri uma cidade surpreendente, com um património cultural impressionante, comida maravilhosa e um povo extremamente afável. Vale a pena explorar com tempo. É o ponto de partida para muitos visitantes das ilhas de Hvar e Brač que se deslocam até lá de ferry.

  • Estadia: 1 noite
  • Alojamento: Pavelin Apartments. Apartamento de 1 quarto, bem decorado e equipado, com uma excelente localização perto do Porto onde poderás apanhar o ferry para as ilhas, e do centro da cidade onde se encontram a maior parte das principais atrações. Para outras alternativas de alojamento em Split clica aqui: Alojamento Split.  

Destino 3 | Brač

De Split parti de carro, no ferry, no dia seguinte para a ilha de Brač. Comprei o bilhete no dia anterior, à chegada a Split, diretamente na bilheteira dos ferries Jadrolinija. O bilhete permite-te embarcar a qualquer hora mas lembra-te de ires para o porto pelo menos 1h30 a 2 horas antes da partida do barco que escolheres para garantires lugar.

Brač é uma ilha muito tranquila, decorada por praias de águas inacreditavelmente cristalinas. É aqui também que encontras a famosa praia Zlatni Rat, conhecida como uma das praias mais bonitas da Croácia. Eu optei por ficar alojada na zona de Povlja, uma área mais sossegada localizada na parte noroeste da ilha, mas grande parte dos visitantes opta por ficar em Bol, onde está a tal famosa praia que já referi acima.

  • Estadia: 2 noites
  • Alojamento: Apartments sv.Ana. Estes apartamentos são muito básicos mas servem perfeitamente para estadias de 1 a 2 noites. O melhor é mesmo a vista direta para o mar, a curta distância da praia e o ambiente muito sossegado. Para outras alternativas de alojamento em Brač clica aqui: Alojamento Brač.

 


Destino 4 | Zadar

De regresso a Split, a viagem continuou pela costa. Pelo caminho não resisti a parar numa povoação que me chamou a atenção quando me encontrava a descer uma colina: Primosten. Almocei num restaurante com uma localização espetacular, mesmo em cima da água, o Konoba Toni. Pode não ser dos mais baratos na zona mas vale muito a pena. A seguir ao almoço segui em direção a Zadar, o “lar” do “melhor por do sol do mundo”. Não sei quanto a ser o “melhor do mundo”, mas é bem bonito sim. Senta-te nas escadas do Sea Organ e assiste ao por do sol ao som do órgão cujo som é ativado pelas ondas do mar.

Destino 5 | Plitvice

O penúltimo destino da minha viagem seria Plitvice onde me esperava o Parque Nacional dos Lagos de Plitvice. De Zadar segui no mesmo dia rumo à Guesthouse que tinha já reservado previamente. No dia seguinte visitaria um dos locais mais bonitos do mundo. Recomendo que acordes bem cedo para visitar o Parque logo pelas 08h/08h30. Este pequeno sacrifício vai-te dar 3 grandes benefícios: uma luz ótima para fotografias, fugir às multidões de turistas que começam a invadir o parque a partir das 09h/09h30 e caminhar pelo parque ainda pela fresquinha. Tens vários roteiros pré-definidos  de acordo com o nível de dificuldade e tempo de visita. Acede ao site oficial para mais informações: Parque Nacional dos Lagos de Plitvice.

  • Estadia: 1 noite
  • Alojamento: Guesthouse Sara. Localizada a poucos kms de distância da entrada para o Parque Nacional dos Lagos de Plitvice, os quartos desta guesthouse são extremamente espaçosos e bastante confortáveis. A Guesthouse oferece ainda um ótimo buffet de pequeno-almoço (pelo valor extra de €7 por pessoa) e tem uma piscina. Para outras alternativas de alojamento na zona, clica aqui: Alojamento Plitvice.

Destino 6 | Zagreb

O último destino desta roadtrip pela Croácia seria Zagreb onde ficaria uma noite antes de apanhar o voo de regresso a casa. Confesso que não esperava muito desta cidade, já tinha ouvido alguns comentários de pessoas que tinham optado por “saltar” Zagreb e de outras que não tinham ficado particularmente impressionadas quando a visitaram. Felizmente optei por formar a minha própria opinião e dei-lhe uma oportunidade. Foi o melhor que poderia ter feito. Adorei a cidade. As ruas pitorescas, a grande diversidade de cafés e esplanadas por todo o lado, a riqueza a nível cultural e arquitetónico… É uma cidade onde até me veria a viver um dia!

  • Estadia: 1 noite
  • Alojamento: Studio Apartments Radoš. Este apartamento com 2 quartos (1 quarto com cama de casal e 2 camas individuais na sala) está extremamente bem localizado a uns 5 minutos a pé das principais atrações da cidade, muito bem equipado e decorado. Os anfitriões são muito simpáticos e prestáveis (o Ivan e a irmã Marina) e tem estacionamento gratuito mesmo em frente ao apartmento. Para outras alternativas de alojamento em Zagreb, clica aqui: Alojamento em Zagreb

E pronto, aqui está uma sugestão de roteiro para uma roadtrip pela Croácia. Espero que te ajude a planeares a tua própria viagem e que te dê memórias tão incriveis como as que me deu a mim.

Gostaste do artigo? Então não te esqueças de deixar um comentário abaixo e de seguires o Joland através do Instagram e Facebook!

Links úteis para o planeamento da tua viagem
 Reservar Alojamento:
Para reservas de alojamento uso sempre o Booking ou o AirBnb.

 Reservar Voos:
Para encontrares os melhores voos para as tuas viagens recomendo o Skyscanner.

Seguro de Viagem:
Para te manteres segura em viagem recorre aos seguros da IATI Seguros* ou da World Nomads
* aproveita o desconto de 5% ao reservares através do link acima

 Tours e Atividades:
Para reserva de tours e atividades em vários destinos recomendo a Get Your Guide

  Alugar Carro:
Para alugar carro uso sempre a Rentalcars.com

  Transportes:
Para compra de bilhetes para transportes na Ásia recomendo o 12go.asia ou o Baolau