Cracóvia foi o meu segundo destino durante a viagem de 1 semana que fiz pela Polónia, em outubro. A segunda maior cidade da Polónia é uma autêntica terra de contos de fadas. Aqui tudo parece ter sido pensado ao pormenor para oferecer a quem a visita um ambiente mágico, construído por edifícios de traça antiga impecavelmente preservados, e a sensação de quase se conseguir ver gentes de outrora a passearem-se nas suas ruas. Mas enganas-te se pensas que Cracóvia é só História: os seus  inúmeros restaurantes e bares fazem com que ofereça muitas oportunidades para te divertires.

Vê abaixo uma lista de nove locais a visitar em Cracóvia para começares já a planear uma escapadela por lá!


Praça do Mercado (Rynek)

Cracóvia PolóniaRynek, a grande Praça do Mercado de Cracóvia, é um dos grandes centros gravitacionais da cidade. Construída em 1257, a praça estende-se por 200 metros sendo considerada uma das maiores praças medievais da Europa. Está rodeada por vários edifícios de traça antiga e é palco regular de importantes manifestações, desfiles e acontecimentos históricos.

O mercado Sukiennice

Cracóvia PolóniaLocalizado precisamente na Praça do Mercado (Rynek), o Sukiennice é considerado o “centro comercial” mais antigo da Europa. Este imponente antigo mercado de tecidos, construído no século 14, passou por vários altos e baixos ao longo dos séculos. Hoje em dia é essencialmente procurado por turistas que o visitam em busca de recordações para levar consigo para casa.

Basílica de Santa Maria

Cracóvia PolóniaEste imponente edifício, também localizado na Praça do Mercado, é uma das construções mais bonitas da cidade. De hora a hora, soa do topo da sua torre mais alta, o som de um trompete que é tocado em direção a cada um dos pontos cardeais. É possível visitar o seu interior através da porta lateral no lado sudeste da basilica.

Website: http://mariacki.com

 Castelo Real de Wawel

Cracóvia PolóniaO edifício mais imponente e fascinante de Cracóvia tinha de ser o primeiro da lista pela obrigatoriedade da sua visita. Em tempos habitado pela realeza polaca, é hoje um museu dividido em 5 diferentes secções, para as quais é necessário adquirir um bilhete separado: os Quartos do Estado, os Apartamentos Reais Privados, a Tesouraria e Armoraria, o Wawel Perdido e Arte Oriental.

Website: https://www.wawel.krakow.pl

Catedral de Wawel

Cracóvia PolóniaEsta Catedral de estilo gótico, localizada junto ao Castelo Real de Wawel, foi palco de inúmeros eventos históricos da nobreza e realeza polaca entre os quais coroações, funerais, casamentos e batizados. Ao visitares a Catedral não te esqueças de subir até ao topo da sua torre onde encontras um enorme sino que, diz a lenda, oferece desejos aquem os pedir tocando-o com a mão esquerda. Se tiveres casamento em vista então é só pedir o desejo com a mão direita.

Website: http://www.katedra-wawelska.pl/

A Fábrica de Schindler

Cracóvia PolóniaPoucas são as pessoas que não tenham visto pelo menos uma vez na vida o extraordinário filme A Lista de Schindler. Durante a II Guerra Mundial, Oskar Schindler conseguiu salvar a vida de milhares de judeus através da sua fábrica. É em Cracóvia que se encontra esta fábrica, hoje um museu que oferece uma visão muito interessante e educativa sobre a vida em Cracóvia durante a ocupação nazi.

Website: https://www.mhk.pl

Minas de Sal Wieliczka

Cracóvia PolóniaAs Minas de Sal Wieliczka, Património da Humanidade da UNESCO localizado a poucos kms de distância de Cracóvia,  são hoje em dia um dos locais mais visitados na Polónia. Construídas há mais de 700 anos atrás, as minas oferecem uma visão impressionante sobre o antigo trabalho de recolha subterrânea de sal, e um ambiente absolutamente fascinante. No seu interior encontra-se ainda a catedral subterrânea com mais pormenores decorativos do mundo.

Website: https://www.wieliczka-saltmine.com

Kazimierz, o Bairro Judeu de Cracóvia

Cracóvia PolóniaO bairro de Kazimierz foi durante séculos o centro da vida judia em Cracóvia. Após um largo período de abandono, é recuperado durante os anos 90, sendo hoje um dos bairros com mais vida cultural e noturna da cidade, estando repleto de restaurantes, bares, galerias de arte, sinagogas e cafés. No Verão, o bairro é palco do Festival da Cultura Judia que atrai visitantes de todo o mundo.

Praça dos Heróis do Ghetto (Plac Bohaterów Getta)

Cracóvia PolóniaSituada na zona onde se encontrava o Ghetto judeu de Cracóvia, esta praça era o local onde os judeus se concentravam e deixavam os seus bens e mobílias antes de serem deportados para os campos de concentração. Hoje em dia encontra-se aqui um monumento que representa a memória de milhares de pessoas que daqui partiram para a sua quase certa morte durante um dos períodos mais negros da História mundial. É aqui também que se encontra o único estabelecimento comercial não judeu que continuou em funcionamento durante a ocupação nazi, a farmácia Apteka Pod Orlem.


Links Úteis

Gostaste do artigo? Então não te esqueças de deixar um comentário abaixo e de seguires o Joland através do Instagram e Facebook!

Links úteis para o planeamento da tua viagem
 Reservar Alojamento:
Para reservas de alojamento uso sempre o Booking ou o AirBnb.

 Reservar Voos:
Para encontrares os melhores voos para as tuas viagens recomendo o Skyscanner.

Seguro de Viagem:
Para te manteres segura em viagem recorre aos seguros da IATI Seguros* ou da World Nomads
* aproveita o desconto de 5% ao reservares através do link acima

 Tours e Atividades:
Para reserva de tours e atividades em vários destinos recomendo a Get Your Guide

  Alugar Carro:
Para alugar carro uso sempre a Rentalcars.com

  Transportes:
Para compra de bilhetes para transportes na Ásia recomendo o 12go.asia ou o Baolau